• Carregando...
Javier Milei fala a apoiadores na sacada da Casa Rosada após a posse, em 10 de dezembro.
Javier Milei fala a apoiadores na sacada da Casa Rosada após a posse, em 10 de dezembro.| Foto: EFE/ Enrique García Medina

A Colômbia convocou nesta sexta-feira (26) seu embaixador na Argentina, Camilo Romero, depois que o presidente da Argentina, Javier Milei, chamou o presidente Gustavo Petro de “comunista assassino”, em uma entrevista a uma jornalista colombiana. “Está afundando a Colômbia”, acrescentou o presidente argentino.

“Como resultado das circunstâncias criadas pelas palavras do Presidente da Argentina, o governo da Colômbia chama imediatamente o Embaixador Camilo Romero, representante da Colômbia naquele país, para consultas”, afirmou, em comunicado, o Ministério de Relações Exteriores da Colômbia.

Romero criticou o presidente argentino. “Milei é uma hipócrita. Enquanto pede aprovação ao nosso governo para seu novo embaixador na Colômbia, chama o presidente de assassino”, postou nas redes sociais. “Podemos pensar diferente, mas a região e a irmandade histórica dos nossos povos devem estar acima das diferenças”, acrescentou, lembrando que Milei “já havia atacado Lula no Brasil e até o Papa Francisco”.

Não é a primeira troca de farpas. No ano passado, Milei disse a rádio colombiana que “socialista é lixo” e “excremento humano”, ao ser questionado sobre Petro. O presidente colombiano respondeu comparando Milei a Hitler. Depois disse que a vitória do argentino era um “momento triste para a América Latina”.

Na entrevista à jornalista colombiana, Milei ainda disse que o presidente do Chile, Gabriel Boric, é “alguém que tem ideias erradas”. O ex-presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou, é “um dos líderes da liberdade contra o socialismo global”. Quanto ao presidente de El Salvador, Nayib Bukele, para Milei, é “alguém que, apesar adversidades, conseguiu cumprir seu programa de governo”.

0COMENTÁRIO(S)
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]