• Carregando...
Radar na Marechal Floriano, em Curitiba
Maioria das multas em Curitiba é por velocidade 20% acima do limite máximo permitido| Foto: Henry Milleo/ bwin

Por dia, cerca de 850 motoristas são multados nas ruas de Curitiba por excesso de velocidade. O dado é uma média do acumulado de infrações registrado pela Superintendência Municipal de Trânsito (Setran) no 1.º semestre de 2019, que foi de 153.816 e representa 35 casos de desrespeito aos limites de velocidade a cada hora.

NOTÍCIAS SOBRE CURITIBA: faça parte do nosso novo canal para receber mais matérias

De acordo com a prefeitura, a estatística leva em conta aferições em trechos nos quais estão instalados equipamentos de fiscalização como radares fixos e barreiras eletrônicas. Ainda entram na lista os registros feitos por radares móveis, que, ao contrário do panorama nacional, deve ter seu uso expandido na capital.

O secretário da Defesa Social e Trânsito de Curitiba, Guilherme Rangel, em entrevista à RPC, esclareceu que a prefeitura de Curitiba utiliza atualmente dois radares móveis e a ideia é comprar mais oito equipamentos.

Muito rápido

Entre as infrações por excesso de velocidade, as mais comuns são dos motoristas que trafegam em velocidade superior à máxima em até 20%. Esses casos representam 90% do total de infrações registradas. Outros 9% das multas correspondem à velocidade superior à máxima de 20% a 50%. E 1% é do condutor que ultrapassa em mais de 50% o limite permitido.

Os dados, mais do que medirem o desrespeito, deixaram a prefeitura em alerta: em 2018, a velocidade foi o principal fator que levou a acidentes com morte no trânsito de Curitiba, de acordo com relatório do Programa Vida no Trânsito (PVT).

0COMENTÁRIO(S)
Deixe sua opinião
Use este espaço apenas para a comunicação de erros

Máximo de 700 caracteres [0]