bwin - Ensino bilíngue forma cidadãos globais que respeitam a diversidade cultural
| Foto: Divulgação
  • Por Colégio Positivo
  • 31/03/2020 12:55

Segundo definições dos especialistas em educação, o indivíduo bilíngue é aquele que possui competência linguística (ainda que não haja um consenso sobre o nível de competência) em ambas as línguas às quais ele é exposto. E mais, conforme orientação da Base Nacional Comum Curricular (BNCC), a língua inglesa deve auxiliar a desenvolver competências que vão além da leitura, interpretação e resolução de problemas.

Vale lembrar que as escolas que ofertam o ensino bilíngue devem obrigatoriamente seguir a carga horária mínima do currículo brasileiro exigida pelo MEC (Ministério da Educação e Cultura).

Horário estendido

No Colégio Positivo, o objetivo com o ensino bilíngue é formar um aluno global, que entenda as diferenças e culturas de um atual mundo sem fronteiras. “Temos uma carga horária estendida que oportuniza um tempo maior de trabalho com esse aluno, através de uma metodologia que prioriza a exposição a diferentes culturas, hábitos e modos de vida. Assim o aluno é sensibilizado por estas diferenças, tendo condições de conhecendo-as, posicionar-se de maneira mais concreta face às mesmas.”, explica a professora Ana Paula Teixeira Franco, coordenadora do Ensino Bilíngue no CIPP, Centro de Inovação Pedagógica, Pesquisa e Desenvolvimento do Colégio Positivo.

Na prática, com o horário estendido os alunos contam com a matriz dos currículos brasileiro e internacional. Para exemplificar, as crianças da educação infantil (dos 13 meses aos cinco anos) abordam assuntos dentro dos campos de experiência como corpo, gestos e movimento e a matriz do currículo internacionalcomoassuntos dentro das “learning skills” como sciences, language e creative thinking. As aulas ocorrem das 9h às 16h50. Já um aluno do ensino fundamental anos finais (dos 11 aos 14 anos) tem aulas do currículo brasileiro como matemática e geografia e do currículo internacional, como global perspectives e social emotional. As aulas ocorrem das 8h05 às 17h25.

Cultura valorizada

A professora Ana explica ainda que a metodologia de trabalho por projetos é o grande fio condutor que começa na educação infantil e se estende até os anos finais.

Um deles, por exemplo, é o Projeto da Cooking Class, que trabalha a gastronomia local de diversos países, desde a elaboração de pratos, o uso de ingredientes regionais, as noções matemáticas até as características específicas de cada sociedade. Outro projeto é o Global Perspectives, um programa único que busca vincular o estudo acadêmico a um contexto prático do mundo real.

A cultura é inserida por meio destes projetos, bem como das celebrações. “Os projetos são escolhidos através de uma mediação do professor com a turma. E em cima disso é feita toda uma documentação pedagógica”, completa. O colégio também valoriza as celebrações, como100th Day of School, St. Patrick´s e Thanksgiving.

Aulas de inglês

O Colégio Positivo tem também a PES School, um programa com aulas de inglês em inglês. Nos anos iniciais do ensinofundamental são quatro aulas semanais de inglês e nos anos finais, seis aulas semanais. Tudo incluso dentro do programa bilíngue. A educação infantil tem aulas somente em inglês, dentro dos projetos.

Somado a isso, existe uma parceria com a Cambridge International. Assim, alunos do 5º ao 9º têm aptidão para realizarem exames de proficiência com certificação internacional da Cambridge Assessment English.

É importante lembrar que mesmo alunos que não frequentaram outras escolas bilíngues podem entrar no Colégio Positivo a qualquer tempo. A professora Ana Paula explica que é feito um apoio pedagógico de língua inglesa – antes ou depois da aula, dependendo da necessidade e da sede --, o qual o aluno frequenta até chegar no nível da turma.

O Positivo também dispõe do Colégio Positivo Internacional. Neste caso, o aluno obtêm a diplomação internacional, com uma série de matérias que fazem parte deste diploma.
Diferença entre ensino bilíngue e o Internacional

Curiosidades

Porque Bilíngues são mais espertos
Escolas Bilíngue x Escola de Inglês
Com o passar do tempo, meu filho pode esquecer a segunda língua?